AGENDA |A coragem da minha mãe

SEM FRONTEIRAS | AGENDA | Teatro | Carlos Neves

Mais um grande momento de teatro. Sem grandes ambições de grandes palcos, um texto intenso, com ritmo que nos leva para dentro dos personagens. A não perder. Carlos Neves

A história de uma judia que escapou a Auschwitz

APRESENTAÇÃO

ARTISTAS UNIDOS no Teatro da Politécnica.

Falar de Auschwitz é falar da actualidade, é não deixar a memória esquecer.

Em julho de 1944, em Budapeste, a máquina de morte nazi deporta para Auschwitz cerca de quatro mil judeus. A peça consiste na narração de uma história, um diálogo entre o filho e a mãe, confidências muito íntimas da mãe e do horror dos campos de concentração, ao mesmo tempo que a mãe se diverte com as histórias.

São dois atores em palco, a mãe Antónia Terrinha e o filho que faz a narração Pedro Carraca, mais tarde uma terceira personagem Helder Braz, o soldado alemão com quem a mãe fala e que acaba por autorizá-la a partir.

Diz o Oficial Alemão “Eu, pessoalmente, sou vegetariano. É extraordinário, mas só imaginar comer carne morta, repugna-me”.

Encenação de Jorge Silva Melo

Carlos Neves, ex-Exilado, Vice-Presidente da AEP61-74

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*