OPINIÃO | A resposta de Merkel à ascensão nazi

SEM FRONTEIRAS | 10 de dezembro 2020 | Opinião | Helder Costa

Uma gargalhada e uma frase

por Helder Costa, dramaturgo

Olha, hoje já nem precisamos de ir ao ginásio!, disse um dos torturadores e homicidas do ucraniano nos serviços do SEF.

É normal recordar outros exageros e abusos, como os que se passam na instrução militar e com outros factos internacionais: o polícia assassino do Floyd e a acção repressiva dos supremacistas instigados pelo facínora Trump.

Mas, na nossa Europa, houve uma resposta na Alemanha. Com a ascensão nazi em eleições, Merkel percebeu que o problema era grave. E, por isso, investigou as suas forças militares e policiais.

Descobriram centenas de soldados e polícias que pertenciam a esses grupos e expulsaram -nos.

Aqui é que está a questão fundamental:

  • quais são os critérios de recrutamento para essas forças da ordem?
  • não se investigam hábitos, comportamentos, filiações partidárias?
  • continua a velha história de se deixar destruir a democracia com total impunidade?

Helder Costa, 10 de dezembro 2020

1 Comment

Responder a Jorge Cancelar resposta

Your email address will not be published.


*