AGENDA |Luz Obscura procura lembrar aqueles que a História e a memória coletiva esqueceram

MEMÓRIAS VIVAS!

SEM FRONTEIRAS | 13 de janeiro 2021 | AGENDA – TELEVISÃO

Estreia: Quarta, 13 de Janeiro às 23:55, na RTP2

Documentário premiado de Susana de Sousa Dias que revisita os arquivos do Estado Novo e as fotografias tiradas pela PIDE aos presos políticos.

Que rede familiar se esconde por detrás de um único preso político? Como dar corpo a quem desapareceu sem nunca ter tido referência histórica?

Partindo de fotografias da Polícia Política portuguesa (1926-1974), Luz Obscura procura lembrar aqueles que a História e a memória coletiva esqueceram. Prosseguindo uma reflexão sobre as imagens captadas pela PIDE, o documentário de Susana de Sousa Dias centra-se em acontecimentos que vão para além do conhecimento factual e que se traduzem em situações muitas vezes não ditas, não mostradas e não escritas.

Através de testemunhos de familiares de comunistas assassinados, que explicam como se viram arrastados para processos de humilhação, como crianças foram tratadas como prisioneiros e muitas nunca mais viram os pais, o documentário restitui as genealogias amputadas por uma ditadura que se dizia defensora suprema da família.

Documentário galardoado com o Prémio de Melhor Som no Festival Caminhos do Cinema Português XXIII (Coimbra), Prémio Especial do Juri no Les Rendez-Vous de L´Histoire (Blois, França) e Menção Especial do Júri no Festival Internacional Documenta (Madrid, Espanha).

Ficha Técnica

  • Título Luz Obscura
  • Autoria e Realização Susana de Sousa Dias
  • Produção Ansgar Schafer (Kintop)
  • Ano 2010
  • Duração 76′
Foto © RTP

Fonte Informação RTP Extra

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*