Notícias

A Fundação Dr. António Agostinho Neto  vem, por este meio,
divulgar a 2ª edição do Prémio Internacional de Investigação Histórica Agostinho Neto cuja data limite para a entrega de obras será a 31 de Março de 2018.

Agradecemos a todos a maior divulgação possível e encorajamos a participação no certame.
O Júri está em vias de confirmação e tão logo tenhamos a sua composição, será divulgado.


Apresentação de Exílios.2


Campanha dos 100 sócios em 2018. Colabora e divulga


Decorreram no passado dia 13 de Janeiro 2018, as eleições para os Órgãos Sociais da AEP61-74, Associação de Exilados Políticos Portugueses. A única lista a concurso foi eleita para o biénio 2018/2020. Temos um programa ambicioso a que chamámos Continuidade Criativa cujos tópicos publicamos neste post. Convocamos vontades e dinâmicas de quem queira apresentar contributos, ideias e trabalho.

Programa breve
1 – Projecto Europeu #ECOS, Arquivar o exílio, contrariar o silêncio: memórias, objectos e narrativas de tempos incertos
2 – Projecto documentário Os Trilhos do Salto
3 – Colecção Virtual do Exílio e da Guerra Colonial
4 – EXÍLIOS em banda desenhada.
5 – EXÍLIOS.3 com mais testemunhos de exilados
6 – Encontros de Memórias de Resistência ao Estado Novo
7 – Melhoria da participação dos sócios na vida da associação

 

 
Foi assinado em 31 de Julho com a Junta de Freguesia do Lumiar um protocolo de cooperação.
Abaixo o texto desse protocolo e o regulamento.
Esta cooperação vai permitir sediar a AEP61-74 na Casa da Cidadania do Pólo de Telheiras bem como a utilização de espaços partilhados
para reuniões, actividades e cooperação inter-associativa

bdr

 
 

 
 programafinal_page_1programafinal_page_2
programa-definitivo-exilios-migrac%cc%a7oes-associativismos_page_1programa-definitivo-exilios-migrac%cc%a7oes-associativismos_page_2

Histórias de Exílio. Irene Martins em entrevista à TSF

 
O presidente da Associação de exilados portugueses considera que a história da guerra colonial ainda está por escrever. Em entrevista à RCB, à margem do lançamento do livro “Exílios”, ontem, 28 de Abril no Fundão, Fernando Cardoso diz que este é um debate que continua por fazer na sociedade portuguesa. Entrevista à rádio RCB

 

Aqui a entrevista de Fernando Cardoso, presidente da AEP61-74 ao jornal Público

Um link muito interessante http://www.theguardian.com/world/2015/mar/08/great-escape-that-changed-africas-future

CONVITESportugal

 

Leia aqui as entrevistas de Rui Guimarães e Joaquim Saraiva ao Correio da Manhã

Para ouvir https://youtu.be/iq0gyj0cmo8

As aventuras de pessoas que se atrevem a querer constituir uma associação. Leia Simplex Revisitado visitando este link http://www.faceocultaterra.blogspot.pt/

Leia também Abrir uma conta num banco do Estado aqui http://ayapaexpress.blogspot.pt/


 

A AEP61-74 vai realizar uma ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

O Presidente da Assembleia Geral vem por este meio, de acordo com os Estatutos da Associação de Exilados Políticos Portugueses 1961-74, AEP61-74, convocar uma Assembleia Geral Extraordinária para o próximo dia 21 de Fevereiro, pelas 10h30, a realizar na Associação José Afonso, AJA, em Lisboa, na Rua de São Bento, n.º 170, com a seguinte Ordem de Trabalhos:

1 – Balanço da Actividade AEP61-74

  1. a) questões administrativas
  2. b) contas

2 – Livro, angariação de fundos e apresentação

3 – Estratégias de angariação de sócios

4 – Preparação das intervenções para os lançamentos do livro

5 – Proposta de Regulamento

6 – Iniciativas sócio-culturais e projectos de intervenção para 2016

7 – Análise crítica do site e propostas de outras formas de comunicação

8 – Outros assuntos

Se à hora marcada não houver número suficiente de associados, a Assembleia Geral Extraordinária iniciar-se-á meia hora mais tarde com os associados presentes.

O Presidente da Assembleia Geral

Fernando Mariano Cardeira

Comments are closed